Arquivo da tag: web

Um alerta para a comunicação do PT

Mais um excelente artigo publicado pelo Azenha em seu também excelente blog. Na verdade o artigo não contém grandes novidades. Alerta para a falta de planejamento estratégico do partido no que diz respeito a criação de uma comunicação direta com a população. Para isso ele faz um paralelo com o que foram os governos Marta e Erundina na prefeitura de São Paulo.

Ambas, embora tenham feito excelentes obras/ações governamentais para a população e por isso contavam com um grande apoio da população a princípio, acabaram derrotadas pela máquina midiática destrutiva de biografias.

O que acontece agora, com a chamada operação tempestade no serrado, não é diferente e mira em nossa candidata a presidente.

É preciso, hoje mais do que nunca, mostra a força de mobilização do nosso partido. Reinvindicar a história de luta desse povo, que construiu o PT, a CUT, o MST. Que, depois de acuados pelo mensalão levou mais de 300 mil militantes para votar numa eleição interna do partido.

Hoje nós temos condições de sermos mais do simples militantes, podemos ser também, emissores das nossa ideias, não só apenas meros recptores como nos tempos da televisão aberta como mídia única do país.

Leiam o artigo aqui. Participem ativamente da campanha da Dilma e de nossos candidatos a deputado federal, estadual. A cada dia temos mais voz. Vamos usá-la.

Deixe um comentário

Arquivado em comunicação, Eleição, golpismo, politica Nacional, PT

O papel das novas classes médias nas eleições

O título do post poderia ser outro. O contrário: o que dizer às novas classes em ascessão no país para ganhá-las no pleito do ano que vem. É disso que trata o ótimo artigo de Maria Ines Nassif, no portal do Nassif.

As eleições de 2006 foram um marco, a ser estudado no futuro, sobre a relação entre as classes médias e o eleitorado dito “mais popular”. Os chamados formadores de opinião não tem mais o controle do que é passado aos últimos. Com a ascensão desses  à condição de novas classes médias com os programas de distribuição de renda do governo federal, este criou um canal de comunicação direto com essa parcela da população.

Embora ainda vivamos num mundo extremamente  midiático, o poder dos grandes conglomerados de comunicação vem diminuindo gradativamente. Boa parte dessa mudança se deve à penetração, cada vez maior, da internet. A LanHouse cumpre um papel importante aqui. Ainda vemos uma influência enorme das famílias donas dos meios de comunicação, inclusive para pautar o governo, mas mesmo assim temos uma diversificação maior das fontes de informações onde as pessoas bebem. Mesmo que se gaste um tempo enorme se socializando no orkut, ou trocando mensagens no msn, alguma informação ainda circula por fora da mídia privada comercial. Principalmente opiniões.

É um questão a se levar em conta daqui pra frente. Temos novas ferramentas para nos comunicarmos, somos muito mais emissores, temos muito mais vozes.

Some-se a isso o amadurecimento da democracia brasileira, onde o eleitor começa a diferenciar o que é bom para ele e o que não é, e teremos uma disputa quente no ano que vem.

Deixe um comentário

Arquivado em Eleição, Internet, politica Nacional

A história do Google por ele mesmo

Deixe um comentário

Arquivado em Internet