A nossa Copa

Maracanã final da copa das confederaçõesEnfim ela chegou. Bate a nossa porta a Copa. A nossa Copa. Parece que demorou muito. Anos. 64 anos, para falar a verdade. A Copa que muitas pessoas, que curtem futebol, sempre sonharam em acompanhar de perto. A Copa no sagrado solo da terra do futebol.

E a Copa no Brasil, como não podia deixar de ser, não será só a Copa do futebol, mas já é a Copa da discussão política.

Deveria ser a nossa chance de mostrar para o mundo como se joga, se torce e se organiza o futebol no país do futebol. Poderia ter sido. Claro que não foi. Mas está sendo um momento de crescimento da política do país.

E é essa a discussão que está nas esquinas, nas ruas, nos bares (além das figurinhas, é claro – faltam 23 ainda, alguém? álbum completo). A discussão é se a Copa é boa ou é ruim para o país. Ninguém discute se o Brasil deveria jogar com 2 ou 3 atacantes. Se o Ramirez deve ser titular, ou o que faz o Hulk na ponta direita.

Claro que a Copa trouxe problemas e também trouxe investimentos em infraestrutura.

A discussão, no fundo, não é sobre a Copa. E o que se está discutindo, então, usando a copa como pano de fundo?

Não é o investimento em educação ou saúde. Qualquer pessoa razoavelmente informada sabe que são coisas distintas e que os investimentos em estádio não tiraram um centavo da saúde e da educação. Além é claro do enorme retorno financeiro que o país terá depois da Copa.

Não é também se nós vamos ou não passar vergonha. O mundo conhece o Brasil. Não precisamos repetir essa falácia da imagem. A imagem do Brasil nunca foi tão boa lá fora. Mesmo que a Economist tente, depois de encher a nossa bola, esvaziá-la por termos enfrentado alguns (poucos) interesses do grande capital.

A questão é, então, a construção de cidadania. As ruas são parte disso, mas não o todo. Ser contra ou a favor da copa é uma posição política. Se muitas vezes essa é uma posição rasa, baseada simplesmente se você apoia ou não o Gov. Federal, outras podemos ver um debate sério, que pretende apontar problemas reais da sociedade e aponta saídas e soluções (não acho que todo o debate sério deve apontar soluções, necessariamente). É o caso das remoções, das obras superfaturadas, das imposições da Fifa, falta de planejamento em algumas coisas, para dar alguns exemplos.

Uma coisa que me irrita, às vezes, é gente achando que a Copa deveria ser a solução para as nossas mazelas todas. Ora, não vamos resolver os problemas estruturais de 500 anos de construção de um país em 7 anos de preparação para uma festa.

Pois é isso que a Copa é. Uma festa e um negócio. Muitas festas, dessas que a galerinha frequenta por aí são a mesma coisa, salvo as devidas proporções, é claro. Faz-se a festa, ganha-se dinheiro, uma galera se diverte. Isso traz problemas com o vizinho, com a polícia…

Então, vamos ter Copa e já tivemos um crescimento político. Uma nova postura da sociedade vai se construindo aproveitando a Copa. Claro que não é só por causa da Copa ou das Olimpíadas que essa vontade, esse desejo, é construído. Mas os grandes eventos, que mexem com a vida das cidades, aceleram esses processos. Essa é a nossa grande vitória. E por isso, o resultado do jogo de 13 de julho, quem vai levantar a taça ou quem será o melhor jogador da competição, não fará nenhuma diferença na vida política do país, embora possa deixar muita gente alegre ou triste com o futebol. Mas é só futebol, e a maior vitória, nós já conquistamos.

Somos um jovem democracia buscando seu marco civilizatório, com a vantagem de poder olhar para o mundo e poder apontar acertos e erros em outros modelos de civilização. Temos um longo caminho pela frente, com muitos percalços, mas já demos alguns passos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano, politica Nacional, Sem-categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s